Quinta-feira, 17 de Setembro de 2009

Piriskas- "Gritos mudos"

 

Sou paisagem em movimento, sou feito de sentimentos e emoções que vagueiam num perfeito vazio constante.

Fico pairando no desconhecido a espera de respostas a espera de um sinal que me leve para fora daqui seja ele perfeito ou imperfeito quero-me livrar de todas as dúvidas que me perseguem, só assim posso caminhar em direcção ao desconhecido seja ele norte ou sul.

As pessoas tem o hábito de julgar os semelhantes pela sua aparência, apenas pela forma e modo como elas se apresentam e vivem a vida, porem consigo ver dentro de cada um o que realmente são, o que realmente os move, muitas vezes assusto-me e apanho desilusões, outras vejo verdadeiras bondades, amizade, lealdade… outras prefiro nem ver ficar na incógnita na incerteza.

Se tu pelo menos pudesses perceber, basta que por alguns instantes feches os olhos como se mais nada existisse, porque apenas te esqueceste de olhar com os olhos do teu coração … abre os olhos e vê os meus …

Sou apenas um anjo num corpo de diabo que ando por ai olhando pelos outros, despertando paz, amizades, anseios…

Manifesto-me com pequenas coisas, como um sorriso sincero nos lábios de alguém que tu não conheces, porque é neles que se vê a grandeza da vida…

Todo se move de uma forma esquisita e injusta mas não te julgo … afinal apenas me fazes passar por aquilo que tu já passaste, magoas-me da mesma forma que te magoaram, olhas-me da mesma forma que te olharam….

Apesar de tudo sinto-me bem a cada dia que passa as pequenas contradições irritam-me no momento mas ao mesmo tempo não sei explicar é uma sensação de auto-estima que me leva a ignorar o mal-estar um ideia racional das coisas ninguem e perfeito mas são as atitudes que temos que demonstram quem nos somos... cabe a nos avaliar as nossas e as dos outros. 

Cada vez mais completo, cheio de certeza dos meus valores e princípios e com a certeza que tenho que mudar o que está errado e não voltar a cometer erros que cometi porque se assim não for afinal o que é que a vida me ensinou? a cometer o mesmos erros, ou agir da mesma forma… isso é que não.   

Continuarei aqui mas não por muito tempo olhando por ti e a noite quando dormes te sussurro ao ouvido dizendo… fica bem …

Feito para cuidar dos outros e quem cuidara de mim?

 

publicado por piriskas88 às 23:11
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Valentim a 19 de Setembro de 2009 às 16:19
Não sabia que tinhas veia poetica, mas está bom.


Comentar post

PIRISKAS88

pesquisar

 

Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
22
24

25
26
27
28
29
31


posts recentes

Piriskas-"Quase sexo lol ...

Piriskas - " A língua"

Piriskas - " Leme"

Piriskas- " poema"

Piriskas - Vamos renovar ...

Piriskas- Grip A do

...

Piriskas- "Homem do Leme"

Piriskas-"Como preparar u...

Piriskas- "Historia do Bi...

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

blogs SAPO

subscrever feeds